Domingo, 27 de Maio de 2007

Acaso

Por um lado, compreender a vida, é aceitá-la como um estilhaço, perceber que pisamos um chão quebrado de angústias que nos pertencem tanto como o sangue alheio que tece o mosaico do tempo. O Tempo, aquela morte que vive nos relógios, aquela promessa indigna, conspícua e emergente que é um presságio de morte. E exigimo-nos, demandamo-nos a fortaleza do nosso ímpeto, contra o rigor das horas, a injustiça da vida e o desassossego das impressibilidades. Mas, por muito que me ditem que, aceitar o tédio como o aborrecimento natural de quem matuta na vida, por muito que analogizem a náusea da solidão humana com o desbotado de uma botas gastas, não posso deixar de odiar a melancolia. A comiseração. Não sei em que crer, se na inverosimilhança da existência, se na fuga às estradas largas, se na inevitabilidade – no fundo não temo a morte nem a perda de vontade. Vontade tê-la-ei sempre, nem que seja vontade de não ter vontade. Nem que seja o decreto de me destruir lentamente na minha teia de ópio venenoso.
 
Como disse Nietzsche: “incapacidade da vontade para se satisfazer sem adversário e resistência”.

 

Hoje apercebi-me de uma coisa: Há um pronuncio nos presságios de um dia; pequenas mensagens por decifrar que pairam na caspa dos planetas, deixadas como o almanaque da possibilidade nos parapeitos; tudo depende do som da persiana que corre no início do dia; tudo depende dessa insignificante mensagem acolhida pelo meu ouvido sonolento – a vida faz-se disto: insignificância significante.

sinto-me: Poético
música: Ne me quitte pas-Jacques Brel
tags:
publicado por sofisma às 18:08
link do post | comentar | favorito

.Profile

.pesquisar

 

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.Posts

. A Árvore da Vida

. Matéria

. Jonathan Livingston Seagu...

. Wasabi, a coisa verde que...

. The Beginning Is the End...

. Transcendência

. Sofrer

. My Blueberry Nights

. Desespero

. U2 - The Sweetest Thing

.Arquivos

. Junho 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2009

. Maio 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. ensaio(8)

. citações(7)

. crónica(6)

. apontamento(3)

. dissertação(3)

. poema(2)

. video(2)

. conto(1)

. todas as tags

.as minhas fotos

blogs SAPO

.subscrever feeds